Suspensão é item de segurança; saiba cuidar dela



Suspensão é item de segurança; saiba cuidar dela

A suspensão do automóvel é responsável por absorver os impactos causados pelas irregularidades do piso e, ainda mais importante, é um item essencial para garantir a estabilidade do veículo em diferentes tipos de condução. Portanto, é um item de segurança, que merece atenção para evitar acidentes e garantir uma condução tranquila.

Itens como amortecedores, pivô, braço oscilante e barra estabilizadora são alguns dos componentes mais importantes do sistema, que devem ser verificados periodicamente. Recomenda-se fazer uma inspeção geral a cada 40 mil km rodados, aproximadamente.

É importante ficar atento aos sinais de que algo não vai bem na parte de baixo do carro, como ruídos, vibrações, perda de estabilidade em curvas e balanço excessivo do veículo em freadas e acelerações. Esses problemas indicam provável desgaste de componentes ou peças frouxas, exigindo uma inspeção detalhada para identificar sua origem.

A vida útil dos itens que formam a suspensão, como os amortecedores, por exemplo, é indicada no plano de manutenção do veículo ou na embalagem da autopeça no mercado de reposição, mas varia muito de acordo com as condições de tráfego: rodar predominantemente em estradas de terra ou esburacadas faz os amortecedores durarem menos tempo, por exemplo.

ALINHAMENTO, BALANCEAMENTO E RODÍZIO

Além de fazer as manutenções nos prazos indicados no manual, alguns cuidados podem evitar o desgaste prematuro de componentes. Um cuidado importante é fazer o alinhamento e o balanceamento das rodas - a Nakata recomenda fazê-lo a cada 10 mil km ou ao perceber algum comportamento anormal do veículo, como, por exemplo, após passar por um buraco que cause forte impacto.

Pneus desgastados não apenas reduzem a estabilidade e a aderência, como também podem sobrecarregar peças da suspensão. Má calibragem também é uma vilã, especialmente com pressão muito acima da recomendada, que deixa o carro duro demais e apressa o desgaste de itens do sistema. Uma dica da Nakata é fazer o rodízio dos pneus para aumentar sua durabilidade e proporcionar desgaste regular da banda de rodagem. " ao fazer o rodízio, é recomendável também balancear e alinhar as rodas", indica Jair Silva, gerente de qualidade e serviços da Nakata.

Fique atento aos amortecedores!

Os amortecedores cumprem o importante papel de controlar o movimento das molas da suspensão, impedindo que o carro fique balançado após passar por um buraco, por exemplo. Além disso, são componentes de desgaste natural que, da mesma forma que pastilhas de freio e embreagem, precisam ser substituídos após determinado tempo de uso, que varia de acordo com as condições de rodagem e o modelo de veículo.

Os amortecedores dão seu recado quando já não funcionam de forma adequada: ruídos e vibrações são os primeiros indícios de que algo está errado, bem como o já citado balanço excessivo nas frenagens e nas acelerações, sinal que os amortecedores já não têm carga suficiente para controlar o movimento das molas. " É preciso ficar atento também a vazamentos de óleo e descamação dos pneus", alerta o especialista.

Evitar sobrecarga do veículo é um cuidado que pode fazer os amortecedores durarem mais tempo, mas, se chegar a hora de trocá-los, siga as especificações informadas no manual e troque sempre em pares ou os quatro ao mesmo tempo - nunca substitua apenas um amortecedor de determinado eixo.


Fonte: WebMotors

Adicione um comentário


Outros Comentários


Seja o primeiro a comentar


Central de Atendimento Matriz (49) 3202.3202

Santa Catarina

Matriz (Joaçaba): (49) 3202.3202 / 3551.0900
Chapecó: (49) 3311.1999
Criciúma: (48) 3443.0444
Concórdia: (49) 3442.7777
São Miguel do Oeste: (49) 3631.7100
Florianópolis: (48) 3722.1000
Joinville: (47) 2105.1999
Lages: (49) 2101.1999

Paraná

Toledo: (45) 3421.1100
Francisco Beltrão: (46) 3211.7878

Rio Grande do Sul

Caxias do Sul: (54) 3534.5000
Passo Fundo: (54) 3210.2222
Santo Ângelo: (55) 3312.3300